quinta-feira, abril 07, 2005

O pai não demora

1 comentário:

Pedro disse...

Eu sei, pai! Muitos beijinhos, Pedro (e mãe).